quinta-feira, 20 de junho de 2019

V CONGRESSO NACIONAL PORTUÁRIO E AQUAVIÁRIO. Cidade de Recife sediou evento nacional de 11 a 13 de junho 2019.

ACESSE A PROGRAMAÇÃO.

domingo, 21 de maio de 2017

Click AQUI e veja vídeo de situações de grave e iminente risco.

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Explosão no complexo Petroquímico Pajaritos no México deixa 13 mortos e 136 feridos

 Click aqui e veja o Acidente em Planta Petroquímica no México


Segundo o governo mexicano ainda não se sabe os motivos do acidente.


sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Vazamento de gás natural em cidade americana

Vazamento de gás natural em cidade americana, subúrbio de Los Angeles,  força moradores a sair do bairro. Veja link:

Click aqui e veja a matéria

domingo, 7 de dezembro de 2014

Manual de Segurança e Saúde no Trabalho Portuário

Segue em anexo o link para baixar o novo Manual de Segurança e Saúde no Trabalho Portuário, elaborado pela Fundacentro. O Manual procura esclarecer dúvidas dos profissionais de segurança do trabalho na aplicação da Norma Regulamentadora Nº 29 do Ministério do Trabalho e Emprego  nas áreas portuária e retro-portuária. Sendo, portanto, bastante útil.

Baixe o Manual clicando AQUI: Manual da NR-29

 

sábado, 12 de julho de 2014

Acidentes com empilhadeiras: Prevenção é possível

       Acidentes com empilhadeiras estão entre os mais graves na atividade de armazenagem de cargas. Portanto, a movimentação de carga com esse equipamento, necessita de treinamento do operador, especificamente no tipo de empilhadeira que irá operar, bem como uma manutenção adequada do equipamento, de forma que esteja em perfeitas condições (Sinalização sonora de ré, buzina, retrovisores sem espelhos quebrados, sinalização traseira, pneus em condições de uso, sistema de elevação, etc.). A área de trabalho da empilhadeira deve ser isolada e a carga a movimentar deve ser inspecionada e medido seu peso para ver se a empilhadeira suporta a carga a ser movimentada, verificar imperfeições no piso (inclinação e saliências), bem como iluminação adequada do ambiente de trabalho.

Vejam acidentes ocorridos com esse equipamento

Leia notícias de acidentes com empilhadeiras, abaixo:
Acidente em Itaqui-MA vitima operador empilhadeira

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Porto do Pecem aumenta em 71 % circulação de mercadorias


Novo recorde de movimentação de mercadorias foi registrado pelo Terminal Portuário do Pecém, no período de janeiro a março do corrente ano, com elevação de 71% em relação ao mesmo período do ano anterior. Neste trimestre a movimentação foi de 1.8 milhão de toneladas (t), contra um milhão de t em 2013. As exportações contribuíram com 369 mil t, com elevação de 111%, enquanto as importações registraram acréscimo de 63% com 1.4 milhão.

A movimentação registrou elevação de 29% no transporte de longo curso e a cabotagem teve variação positiva de 52%, com operações realizadas por 127 navios, o que registra média de 42 mensais.

Nas exportações, os principais produtos movimentados foram minérios e escórias, com 88 mil t, seguindo-se combustíveis minerais (48 mil), leite e laticínios (20 mil) e frutas (18 mil t). Nas importações a liderança ficou com os combustíveis minerais, movimentando 784 mil t, seguindo-se os produtos siderúrgicos (162 mil), minérios e escórias (144) e cimento (77 mil).

A novidade na exportação de frutas foi o crescimento do volume destinado à Grã Bretanha, que se igualou ao da Holanda, tradicional líder, com participação de 29%, seguindo-se Espanha e Estados Unidos com 13% cada.

As frutas tiveram como origem os estados do Ceará, com 61% e Rio Grande do Norte com 37%, destacando-se a exportação de 12 mil t de melão, três mil de castanha de caju e 1.6 mil de melancia.

No ranking de exportações de frutas o Pecém fica em terceiro lugar, depois dos portos de Parnamirim e Santos. Nas exportações de calçados a colocação do Pecém também é terceiro lugar, antecedido pelos terminais de Santos e Rio Grande.

O Pecém lidera a importação de cimento não pulverizado (clinkers), seguido pelos portos do Mucuripe, Maceió e Suape. Na importação de produtos siderúrgicos o Pecém é vice-líder, vindo após o porto de São Francisco do Sul.


Fonte: Assessoria de Comunicação da Cearáportos